Quais as doenças mais comuns em pets? Descubra aqui!

Para quem tem um animal de estimação em casa, sabe que volta e meia ele pode ter uma diarreia, vomitar, ficar mais prostado… Quem sabe não roubou um pedaço de queijo de cima da mesa? Vamos ver quais as doenças mais comuns em pets.

O problema é quando esses sintomas não desaparecem, o que geralmente deixa os tutores bem preocupados, e nesse caso, o melhor a fazer é consultar o veterinário.

De repente, isso pode ser sinal de algo mais sério, e quanto antes for feito o diagnóstico, melhor.

Mas para te ajudar, separamos aqui uma lista com as doenças mais comuns em pets, porém, não substitui a visita ao veterinário, combinado?

Quais as doenças mais comuns em pets?

Quais as doenças mais comuns em pets

Se você tem um pet, sabe que ele não está bem quando muda de comportamento, não quer comer, fica mais quieto ou apresenta vômitos e diarreia.

Embora isso possa ser algo passageiro, é preciso ficar bem atento, pois pode ser sinal de alguma doença.

Portanto, veja as doenças mais comuns em pets:

1. Alergia alimentar

Antes de mais nada, o termo “alergia”, às vezes, é mal utilizado: não tolerar bem um alimento não significa necessariamente que o animal é alérgico!

As alergias alimentares são causadas por uma sensibilização aos alergênicos ingeridos, que geralmente estão em carnes, produtos lácteos, ovos…

O sintoma característico de alergia alimentar são problemas de pele, como coceiras e placas, por exemplo.

Para fazer o diagnóstico, é necessário descobrir o alergênico responsável pela alergia.

O tratamento consiste na eliminação, ou seja, ir retirando os alimentos até encontrar aquele que está causando alergia.

No entanto, é importante diferenciar alergia alimentar de intolerância alimentar e oferecer uma boa ração para cachorro.

doencas em pets

A intolerância alimentar aparece quando há uma inadequação entre a quantidade e a qualidade do alimento de uma parte, e as capacidades digestivas do animal de outra parte.

Pode ser em razão de grandes quantidades ingeridas, um problema digestivo transitório, uma mudança de alimentação ou mesmo uma má digestibilidade do alimento.

A intolerância alimentar provoca principalmente problemas digestivos e está entre as doenças mais comuns em pets.

2. Doença do carrapato

A doença do carrapato é uma infecção transmitida por uma bactéria ou protozoário, que através da picada, entra na corrente sanguínea do animal, afetando vários órgãos e é uma das doenças mais comuns em pets.

Como é uma enfermidade que passa por estágios, inclusive existem casos em que é assintomática, é super importante estar atento aos seguintes sintomas:

  • Febre alta;
  • Perda de peso;
  • Lacrimejamento;
  • Diarreia;
  • Vômito;
  • Sangramento nasal;
  • Sangue na urina;
  • Hemorragia;
  • Edemas;
  • Tosse;
  • Letargia;
  • Problemas de pele;
  • Convulsões.

É claro que a intensidade desses sintomas varia de cachorro para cachorro, assim como conforme a fase da doença.

O mais importante aqui é: se você notar alguns desses sintomas no seu pet, leve-o imediatamente ao veterinário, porque se a doença do carrapato não for tratada, pode levar à morte.

3. Desidratação

A desidratação no cachorro ou no gato é causada pela perda excessiva de fluidos corporais: água e minerais, como o sódio e potássio (chamados de eletrólitos).

cachorro bebendo agua

Se não tratada, pode ter consequências graves, como a morte do animal. Por isso, é importante saber identificar quando o seu pet está desidratado e tomar as medidas o quanto antes.

A causa mais comum para desidratação são temperaturas muito altas, mas também pode resultar de:

  • Longo tempo no carro sem beber água;
  • Exercícios físicos intensos;
  • Diarreias;
  • Vômitos repetidos;
  • Aleitamento (nas fêmeas), quando não recebe água e minerais o suficiente.

Os sinais de desidratação podem ser percebidos na pele, pois uma boa elasticidade significa uma boa hidratação. Outros sintomas gengivas secas, apatia e focinho seco.

Se você perceber alguns desses sinais, ofereça imediatamente água fresca e limpa, e claro, consultar o veterinário para avaliar o nível de desidratação.

A desidratação está entre as doenças mais comuns em pets, em casos de desidratação grave, é importante tratar imediatamente.

4. Insuficiência renal

cachorro insuficiencia renal

Falamos de insuficiência renal no cachorro quando os rins não funcionam mais normalmente e não realizam mais ou suficientemente seu trabalho de filtração do sangue e da produção da urina. Problemas renais, está entre as doenças mais comuns em pets, por isso é importante ficar atento.

Embora esteja mais ligada ao envelhecimento, também pode ser provocada por uma intoxicação.

Os sinais de alerta são:

  • Vômito;
  • Perda de apetite ou anorexia;
  • Urina muito clara, quase transparente;
  • Sede excessiva, porque a insuficiência renal desidrata;
  • Dor abdominal;
  • Presença de sangue na urina.

Se não for tratada a tempo pode levar a um quadro de hipertensão, úlcera e até mesmo cegueira.

Geralmente, o tratamento consiste em administrar vitaminas e suplementos a fim de normalizar o equilíbrio hídrico, de forma a restabelecer os eletrólitos e fluidos no organismo do animal.

Então, essas são as quatro doenças mais comuns em pets, como cachorros e gatos, e em todas elas, é fundamental estar atento aos sintomas, e obviamente, buscar sempre orientação do veterinário!

Leave a comment

Go to top